Tag: Educação Page 1 of 2

Braide entrega 10 novos ônibus escolares com acessibilidade à rede municipal de ensino

O transporte escolar de São Luís ganhou um reforço com a entrega de 10 novos ônibus escolares que irão atender os alunos da rede municipal de ensino. O anúncio foi feito pelo prefeito Eduardo Braide, no último fim de semana, no Galpão da Secretaria Municipal de Educação (Semed). Os novos ônibus já começam a circular nesta segunda-feira (19) e atenderão principalmente os alunos da Zona Rural.

“Ainda quando eu era deputado, eu destinei emenda para a compra destes ônibus que estamos entregando hoje, todos eles com acessibilidade e a maior parte da frota irá para a Zona Rural, reforçando nosso transporte escolar em toda São Luís”, explicou o prefeito Eduardo Braide.

Os ônibus entregues possuem 59 lugares cada e atenderão cerca de 1.500 estudantes. Os veículos da marca Mercedes possuem o que há de mais moderno no segmento de transporte escolar atualmente, com acessibilidade e suporte total para alunos com deficiência que portam cadeiras de roda. Além disso, os ônibus são apropriados para percorrer áreas de difícil acesso, e atendem às necessidades de regiões de estradas vicinais.

A secretária municipal de Educação (Semed), Caroline Salgado, falou da importância da acessibilidade no transporte escolar.

“O prefeito Eduardo Braide mostra a sua preocupação com a acessibilidade e com o direito à educação para todos os nossos alunos. Essa nova aquisição permite que possamos atender com mais qualidade os nossos estudantes da educação especial, facilitando o trajeto deles à escola com mais segurança e comodidade”, afirmou a secretária.

Até o fim do mês de setembro, a previsão é que mais quatro ônibus sejam entregues, totalizando 14 novos veículos e mais de R$ 4 milhões investidos. Todos os outros transportes também atenderão estudantes com deficiência ou mobilidade reduzida.

Prefeita França do Macaquinho inaugura mais uma escola decente em Santa Luzia

Em clima de muita alegria foi reinaugurado, nesta quarta-feira (10), o Jardim de Infância Jesus de Nazaré. A escola que também foi contemplada com o Programa Escola Decente foi reformada, ampliada, climatizada e recebeu novas mobílias.

“Mais um importante passo foi dado pela valorização dos nossos servidores e estudantes. Tornar nossos ambientes escolares confortáveis e acolhedores é a marca da gestão da Prefeita França do Macaquinho,” destacou o secretário de educação Antônio da Silva.

Educação financeira nas escolas da rede municipal

A Secretaria Municipal de Educação de Santa Luzia, fez a adesão ao Programa Aprender Valor. Um programa de iniciativa do Ministério da Educação em parceira com o Banco Central que visa levar educação financeira às escolas públicas.

Em Santa Luzia, cinco escolas estão participando do programa, que visa também ofertar cursos em finanças pessoais para docentes, uma vez que esse conhecimento foi pouco difundido em nosso país ao logo do tempo.

“Educação financeira é muito importante na vida de qualquer cidadão, afeta diretamente todas as áreas da vida de uma pessoa. No entanto, nos foi negado esse direito ao longo do tempo, e fomos obrigados a aprender a gerir nossos recursos financeiros com experiências do dia a dia, muitas das vezes tendo que chegar ao caos financeiro para dali tirar algum aprendizado. Acredito que com a chegada desse conhecimento, mesmo que de forma tímida em nossas escolas, teremos uma transformação que irá impactar as futuras gerações”, destacou, a coordenadora do programa no município, Felinta Gomes.

Segunda edição do Fies 2022 abre inscrições hoje

Estão abertas as inscrições para a segunda edição de 2022 do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies). Segundo o Ministério da Educação, mais de 44 mil vagas serão ofertadas na atual edição do programa voltado a estudantes interessados em financiar cursos superiores oferecidos por instituições de educação privada.

As inscrições devem ser feitas no Portal Acesso Único entre 9 e 12 de agosto, e os resultados serão divulgados em chamada única, no dia 16 próximo. Os inscritos que não forem selecionados na chamada serão automaticamente incluídos na lista de espera.

“Podem concorrer a um financiamento todos os estudantes que fizeram o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), de qualquer edição desde 2010, e obtido média mínima de 450 pontos nas provas do exame, além de nota superior a zero na redação”, informa o MEC.

Acrescentou que “é vedada a inscrição para quem tiver feito o Enem como treineiro”. Para obter o financiamento, “é necessário comprovar renda mensal familiar per capita (por cabeça) de até três salários mínimos”.

Voltado a conceder financiamento para acesso a cursos superiores, o Fies é realizado duas vezes por ano. Segundo o MEC, as duas edições deste ano vão ofertar  110.925 vagas. Da Agência Brasil.

Braide entrega seis escolas novas em São Luís

O prefeito Eduardo Braide entregou, neste sábado (30), seis escolas requalificadas, nos bairros da Ilhinha, Alemanha, Coroadinho, Quebra-Pote, Andiroba e Turu. As obras foram executadas por meio do “Escola Nova”, maior programa de reforma de escolas da história de São Luís, que já recuperou totalmente 139 unidades de um total de 256 escolas da rede pública municipal.

“Estamos entregando mais seis escolas totalmente reformadas, com todas as intervenções necessárias para que a gente possa ter um retorno seguro para a nossa comunidade escolar. Nossos alunos receberão, também, um kit escolar com materiais de uso pessoal, além de mochila e fardamento escolar, tudo novo para garantir uma educação de qualidade em toda rede municipal de São Luís, destacou o prefeito Eduardo Braide, acompanhado pela vice-prefeita Esmênia Miranda, e pelos secretários Caroline Salgado (Semed), David Col Debella (Semosp), Diego Rodrigues (Semad), Felipe Falcão (Semit) e Pavão Filho (Semgop).

A vice-prefeita, que também é professora, comentou da importância de uma boa estrutura física e condições adequadas para bons resultados na sala de aula. “Uma educação de qualidade passa necessariamente por uma escola em boas condições de trabalho, além de capacitação e recursos para garantir o desenvolvimento das habilidades de nossas crianças e adolescentes e a nossa gestão leva muito a sério esse compromisso com os alunos e toda a comunidade escolar”, garantiu Esmênia Miranda.

A secretária municipal de Educação, Caroline Marques Salgado, garantiu que a rede municipal está preparada para o novo semestre letivo, que começa no próximo dia 1° de agosto. “A gestão do prefeito Eduardo Braide está garantindo melhorias e avanços na estrutura física de nossas escolas e ainda os recursos necessários para ofertar uma educação de qualidade para os nossos alunos”, finalizou a titular da Semed.

Maratona de entregas teve início na UEB João Pereira Martins

O prefeito Eduardo Braide iniciou a maratona de inaugurações pela Unidade Escolar João Pereira Martins, na Ilhinha. A escola, que pertencia ao Estado e foi municipalizada, agora oferece aos 205 alunos do ensino fundamental uma estrutura nova com quatro salas de aulas, banheiros e sala de professores adequada para um bom aprendizado.

Morador da região, o vereador Marcos Castro (PMN) comemorou a entrega. “Eu vivo aqui na região da Ilhinha e essa reforma era muito aguardada pela comunidade. O prefeito Eduardo Braide mostra como a educação é levada a sério em São Luís”, afirmou o vereador.

Para Alane Annemberg Ribeiro Serra, mãe de Ângelo Miguel Ribeiro Rodrigues, do 2° do Ensino Fundamental, o retorno às aulas vai ser uma felicidade para todos. “Eu fico feliz em ver que a escola, além do ensino, está com toda a estrutura adequada para receber as crianças e meu filho está muito ansioso para retomar as aulas, e agora em uma escola bonita”, frisou a dona de casa.

UEB Luís Viana

Na Unidade de Ensino Básico Luís Viana, no bairro da Alemanha, o prefeito foi recebido com festa pela comunidade escolar. Com 620 alunos, toda a estrutura física da escola passou por melhorias. São 21 salas de aulas, três salas de recursos, uma biblioteca climatizada, uma sala de informática com 18 computadores, um auditório com capacidade para 100 pessoas e duas quadras poliesportivas, além de horta e jardim. As salas foram climatizadas e ganharam acessibilidade às suas dependências.

O vereador Raimundo Penha (PDT), que atua na região, também participou do novo momento na história do Luís Viana. “É uma escola completamente nova e um novo começo para esta unidade histórica e uma das maiores escolas de nossa cidade”, comemorou o parlamentar.

Quem também festejou as novidades foi a aluna Maria Cláudia Cavalcante. “Está tudo organizado, maravilhoso e agora nós temos um refeitório e as quadras reformadas”, contou a aluna do 9° ano.

A diretora da unidade também falou sobre a grandiosidade da obra. “Nós só temos a agradecer o trabalho do prefeito Eduardo Braide, que mostra o quanto a gestão valoriza a educação e os alunos”, pontuou Ana Cláudia Menezes.

A presidente do Instituto Batista Matos, Liana Matos, que esteve presente no ato de entrega,

parabenizou o prefeito Eduardo Braide pelo trabalho realizado na Alemanha. “Só temos a agradecer ao prefeito pela atenção que ele tem dado à nossa comunidade, primeiro com um posto de saúde e agora com essa reforma maravilhosa da nossa escola”, afirmou a viúva do vereador Batista Matos, que atuava para a melhoria do bairro.

Na Unidade de Ensino Básico Rubem Almeida, no Coroadinho, a euforia tomou conta das crianças com a nova escola e com os kits escolares. A unidade, que tem 1.300 alunos, ganhou melhorias nas 18 salas de aula, na sala de recurso, biblioteca, sala de professores, laboratório de informática, cozinha, refeitório, sete banheiros, quadra, secretaria, sala de direção e sala de coordenação.

Além das crianças, o prefeito Eduardo Braide foi recepcionado pelo vereador Daniel Oliveira (PL). “É um dia especial, pois são mais de 20 anos aguardando por uma reforma, por um olhar especial e o prefeito mostrou que tem compromisso com a educação de nossas crianças”, disse o vereador.

Mais duas escolas requalificadas na Zona Rural

E a Zona Rural de São Luís mais uma vez não ficou de fora do cronograma de obras e melhorias promovidos pela atual gestão. A Unidade de Ensino Básico Uruati, em Itapera, na entrada do Quebra-Pote, também passou por reforma e os 817 alunos ganharam melhorias na estrutura física das 13 salas de aulas, sala de recurso, biblioteca e sala de professores. na Zona Rural, a Unidade de Ensino Básico Honório Odorico Ferreira – Anexo José Sarney, na Andiroba, ganhou, além da reforma, a ampliação da unidade. Uma conquista para a comunidade rural da Grande Ilha.

“É mais um presente para a nossa Zona Rural, pois além das melhorias estruturais vamos poder atender mais alunos”, comemorou o subprefeito da Zona Rural, Dilmar Araújo, que participou das entregas.

O vereador Chico Carvalho (PSL) também prestigiou a inauguração das escolas da Zona Rural. “Os moradores sonhavam com a reforma e o papel do vereador é pedir ao prefeito e Eduardo Braide atendeu ao nosso pedido e hoje agradecemos a reforma e ampliação da escola, além das reformas da Praça da Igreja e da Associação de Moradores do bairro”, afirmou o parlamentar.

A última entrega do dia foi a Unidade de Ensino Básico Dra. Maria Alice Coutinho, no Turu. Além das melhorias na estrutura física da escola, que tem 11 salas de aula e 886 alunos, a unidade recebeu equipamentos para a sala de recursos e biblioteca, o prefeito anunciou o início da reforma da quadra da escola já na próxima semana. O vereador Marlon Botão (PSB) esteve presente à entrega da escola e parabenizou o prefeito pelo sucesso do programa Escola Nova. “Estamos muito felizes por saber que os recursos públicos estão sendo aplicados com sucesso e compromisso”, frisou Botão.

Prefeitura de Santa Luzia reinaugura duas escolas, em menos de sete dias

A Escola Maria da Conceição Soares localizado no centro de Santa Luzia foi beneficiada pelo Programa Escola Decente, o maior programa de melhoria de infraestrutura escolar e de ensino já implantado e desenvolvido em Santa Luzia.

A escola foi reformada, ampliada, climatizada e entregue à população nesta quarta-feira (27). Toda a comunidade escolar demonstrou muita gratidão e felicidade pelo benefício recebido.

Inscrições para o Enem 2022 começam na terça-feira

As inscrições para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) começam nesta terça-feira (10) e podem ser realizadas até o dia 21 de maio. Pela primeira vez, os interessados em participar do exame poderão efetuar o pagamento da taxa de inscrição por meio de PIX e cartão de crédito.

O resultado dos recursos para isenção da taxa de inscrição já está disponível na Página do Participante. O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) ressalta que a aprovação dos pedidos não garante a inscrição no exame.

A taxa de inscrição para o Enem 2022, versões digital ou impressa, foi mantida no valor de R$ 85. O período para efetuar o pagamento se encerra em 27 de maio. A participação no exame apenas será garantida apenas após a confirmação do pagamento da taxa.

O pagamento da taxa de inscrição também poderá ser feito por meio do tradicional boleto, que deve ser gerado na Página do Participante e pago em qualquer banco, casa lotérica, aplicativos bancários ou agência dos Correios, obedecendo aos critérios estabelecidos por esses correspondentes bancários e respeitando os horários de compensação.

Já os interessados em fazer o Enem 2022 que obtiveram a isenção da taxa devem realizar a inscrição na Página do Participante, mas não precisam efetuar o pagamento para confirmar a participação.

Provas
As provas serão realizadas nos dias 13 e 20 de novembro. A aplicação dos testes impressos seguirá o horário de Brasília. A abertura dos portões será às 12h, e o fechamento às 13h. O início das provas será às 13h30. No primeiro dia de Enem, o término das provas será às 19h. No segundo dia de testes, às 18h30.

O exame será constituído de quatro provas objetivas e uma redação em língua portuguesa. Cada prova objetiva terá 45 questões de múltipla escolha.

No primeiro dia do exame, serão aplicadas as provas de linguagens, códigos e redação (língua Portuguesa, literatura, língua estrangeira, artes, educação física e tecnologias da informação e comunicação); e de ciências humanas e suas tecnologias (história, geografia, filosofia e sociologia).

A aplicação terá 5 horas e 30 minutos de duração, contadas a partir da autorização do chefe de sala para o início das provas.

No segundo dia do exame, serão aplicadas as provas de ciências da natureza (química, física e biologia) e matemática e suas tecnologias. A aplicação terá 5 horas de duração, contadas a partir da autorização do chefe de sala para o início das provas.

Os gabaritos das provas objetivas serão divulgados no Portal do Inep, até o terceiro dia útil após o último dia de aplicação. Da Agência Brasil.

Page 1 of 2

Desenvolvido em WordPress & Tema por Anders Norén