Tag: pesquisa

Brandão tem 41%, Weverton, 20% e Lahesio, 16%, diz Ipec

Do G1 Maranhão

A segunda pesquisa Ipec, divulgada nesta terça-feira (20) pela TV Mirante, mostra os índices de intenção de voto para o governo do Maranhão. O candidato Carlos Brandão (PSB), mantém a liderança com 41%.

Em seguida, aparecem Weverton Rocha (PDT), com 20%, Lahésio Bonfim (PSC), com 16%. Edivaldo Holanda Júnior (PSD) está com 7% das intenções de voto.

A pesquisa ouviu 800 pessoas em 39 municípios, entre os dias 17 a 19 de setembro. A margem de erro é de três pontos percentuais para mais ou para menos, sobre os resultados encontrados na amostra.

O nível de confiança da pesquisa é de 95%. A pesquisa foi contratada pela TV Mirante e está registrada no Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão sob o protocolo MA-04923/2022 e no Tribunal Superior Eleitoral sob o protocolo BR-08556/2022.

Pesquisa Ipec/TV Mirante mostra Brandão com 28%, Weverton, 16%, Edivaldo, 14%

Do G1 Maranhão

Pesquisa do Ipec divulgada nesta terça-feira (23), pela TV Mirante, revela os índices de intenção de voto para o cargo de governador do Maranhão. O candidato do PSB, Carlos Brandão, lidera a disputa com 28% das intenções de voto.

Veja o resultado da pesquisa estimulada

Resposta estimulada e única, em %:

  • Carlos Brandão (PSB) – 28%
  • Weverton Rocha (PDT) – 16%
  • Edivaldo Holanda Junior (PSD) – 14%
  • Lahesio Bonfim (PSC) – 10%
  • Joás Moraes (Democracia Cristã) – 2%
  • Enilton Rodrigues (PSOL) – 1%
  • Frankle Costa (PCB) – 1%
  • Simplício Araújo (Solidariedade) – 1%

Branco/Nulo – 9%

Não sabe/Não respondeu – 19%

O candidato Hertz Dias (PSTU) não pontou nesta pesquisa.

A margem de erro é de três pontos percentuais para mais ou para menos. O nível de confiança é 95%. A pesquisa foi registrada no Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão sob o protocolo MA-06254/2022 e no Tribunal Superior Eleitoral sob o protocolo BR-03233/2022.

Roupa é o item preferido para presentear os pais, diz pesquisa da Fecomercio

Pesquisa de Intenção de Compras para o Dia dos Pais em São Luís mostra que em 2022 a data deve ser comemorada com direito a presentes tradicionalmente conhecidos por agradar aos diversos gostos. Na lista de preferências dos consumidores, os itens de vestuário e acessórios aparecem como a principal escolha para presentear, apontada por 46,1% do público entrevistado.

Esta opção tem sido a preferência número 1 para presentear os pais ludovicenses desde 2011, quando a Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Maranhão (Fecomércio-MA) realizou a primeira pesquisa para a data comemorativa. Em comparação ao último levantamento apurado em 2018, as roupas e acessórios lideram as intenções de compras com uma alta de +60,6%, uma vez que naquele ano, esta era a primeira opção para 28,7% dos consumidores.

Outros dois itens de uso pessoal fecham o tripé de artigos queridinhos para agradar no Dia dos Pais. Os calçados aparecem na segunda colocação com 14,5% das intenções de compra, o que representa uma redução de -41,1% em relação a 2018. Os itens de perfumaria e cosméticos fecham a lista dos três principais produtos, com a fatia de 11,1% da preferência. Este percentual mostra uma queda de -52,9% no comparativo com a pesquisa anterior, incentivada pela maior concentração de consumidores que, neste momento, devem comprar peças de vestuário mais fortemente.

“A decisão pela compra concentrada nos artigos de vestuário reflete a avaliação dos consumidores sobre a sua capacidade de renda atual, deslocando a prioridade da escolha para itens essenciais no dia a dia, como as roupas e calçados” avalia o presidente da Fecomércio-MA, Maurício Feijó.

Relógios digitais

Na lista de intenções de compras para o Dia dos Pais este ano, os relógios aparecem mais bem-posicionados no ranking de presentes, agradando ao gosto de 9,6% dos consumidores. No 4º lugar entre as escolhas, de 2018 para cá, a alta na preferência para o segmento foi de +159,5%. A atenção do público para estes produtos tem ocorrido com maior frequência nas últimas pesquisas em datas comemorativas realizadas pela Fecomércio, a exemplo do Dia das Mães e Dia dos Namorados.

Este destaque é decorrente das melhorias tecnológicas significativas pelas quais os relógios têm passado nos últimos anos. Os smartwatches (relógios inteligentes), chamam cada vez mais a atenção dos consumidores pelos benefícios ofertados, já que estes produtos agregam valor pela interatividade, personalização e uso de aplicativos conforme as necessidades dos usuários.

“A tendência é que este produto ganhe cada vez mais espaço no gosto do consumidor e esteja mais disponível em lojas físicas e online, dada a atual procura. Entretanto, é necessário observar que este é um produto importado e pode sofrer os impactos da alta do câmbio, encarecendo a sua compra em um cenário como este”, ressalta Feijó.

Formas de pagamento

O cartão de crédito foi apontado por 85,8% dos consumidores para a compra do presente dos pais. Isso mostra que, apesar do cenário de desestímulo ao uso do crédito, o apelo emocional da data leva os consumidores ludovicenses a recorrerem ao endividamento para não deixar de presentear neste dia.

O estrangulamento da renda das famílias neste momento de alta da inflação contribuiu para que os consumidores, em sua grande maioria, tivessem que optar por esta forma de pagamento, diferente do que ocorreu em 2018. Na última pesquisa, o cartão de crédito era a 3ª opção e atendia a fatia de 25,5%, ou seja, uma alta de +29,7% em 2022.

O PIX, por sua vez, ganhou destaque dentre as formas de pagamento, sendo a segunda principal escolha, apontada por 21,1% dos entrevistados. Esta modalidade tem aumentado rapidamente desde sua criação, superando o uso de pagamentos à vista com dinheiro (19,9%) e à vista com cartão de débito (2,8%). Por ser uma transação mais segura e ágil, os consumidores têm preferido esta opção, assim como alguns lojistas que veem seu custo com recebíveis reduzirem com a utilização do PIX.

Perfil do consumidor

Entre os interessados em presentear no Dia dos Pais, o gênero feminino leva vantagem em relação ao masculino. Dentre as mulheres entrevistadas, 80,3% afirmam que devem comprar pelo menos um presente. Já no recorte entre os homens, 72,2% pretendem ir às compras nesta data comemorativa.

O público com idade a partir de 36 anos é o responsável pela maior fatia entre aqueles que irão agradar no Dia dos Pais atendendo por 85,6% dos entrevistados com esta idade ou mais. Dentre os consumidores com faixa etária entre 21 e 35 anos, 79,1% têm a intenção de comprar pelo menos um item.

No recorte por faixa de renda, aqueles com rendimento familiar entre 3 e 6 salários-mínimos são os que mais devem presentear, com 81,1% deste público afirmando ir às compras.

Nota

A Pesquisa de Intenção de Compras do Dia dos Pais foi realizada entre 4 e 6 de julho de 2022, no município de São Luís, com 700 questionários aplicados em diversos pontos de fluxo de pessoas. Os entrevistados têm idade acima de 18 anos, de modo que o tamanho da amostra foi espelhado com base na população adulta de São Luís estimada pelo último Censo Demográfico, que é de cerca de 70,6%. O intervalo de confiança da pesquisa é de 95%, com desvio-padrão de 3,7% para mais ou menos.

Pesquisa identifica perfil e nível de satisfação de turistas que visitam São Luís

A Prefeitura de São Luís, por meio da Secretaria Municipal de Turismo (Setur), em parceria com a UP Soluções e o Observatório de Turismo de São Luís, criaram e estão aplicando a pesquisa “Perfil e Satisfação do Turista”, totalmente digital, via QR Code, que pode ser realizada pelos turistas. O objetivo é conhecer o perfil dos turistas, abordando questões sobre como chegaram até a cidade, os gastos que tiveram, meios utilizados para reservas e índices de satisfação.

“Estamos sempre apostando nas pesquisas para entender quem visita São Luís. Esses dados são coletados e, a partir deles, criamos estratégias para atingir ainda mais pessoas com informações sobre a cidade. Os relatórios também são disponibilizados para o trade turístico utilizar as informações importantes, como o valor médio gasto por dia na cidade e de onde vem o turista, por exemplo”

Saulo Santos, secretário municipal de Turismo de São Luís

Ao responder a pesquisa, o entrevistado ganha um voucher de desconto em estabelecimentos parceiros. O benefício se estende à agências de receptivo, meios de hospedagem, bares e restaurantes. O voucher de desconto é recebido via e-mail, cadastrado no início da pesquisa.

Foram disponibilizados banners com QR Code em vários pontos da cidade, como no aeroporto Marechal Cunha Machado, no Terminal Rodoviário de São Luís, na Estação de Trem da Vale, no Porto do Itaqui e na Central de Atendimento ao Turista (CAT). É disponibilizado um formulário que pode ser acessado via QR Code com a pesquisa de demanda turística, disponível em vários idiomas.

Pesquisas completas sobre São Luís podem ser acessadas no site institucional da Setur, disponível no endereço www.saoluis.ma.gov.br/setur.

Pesquisa mostra a concorrência de tarifa aérea e hoteleira entre as capitais do Nordeste

Nesta quarta-feira (13), a Secretaria de Estado do Turismo (Setur-MA) divulgou pesquisa de expectativa de ocupação hoteleira dos principais polos turísticos para o próximo feriado, e também a concorrência de tarifa aérea e hoteleira das capitais do Nordeste.

A pesquisa, realizada nos dias 11 e 12 de abril, revelou que o município de Tutóia, localizado na região do Polo Delta das Américas, já apresenta 79% de taxa de ocupação para o período da Semana Santa. Barreirinhas e Santo Amaro, situados no Polo Lençóis Maranhenses, apresentaram percentual de 68% de ocupação dos meios de hospedagem da região. 

A região da Chapada das Mesas (Açailândia, Balsas, Carolina, Imperatriz e Riachão) registrou 60% de ocupação hoteleira.

Segundo levantamento, a maioria dos gestores dos meios de hospedagens contatados pelos pesquisadores afirmaram que estão otimistas quanto ao aumento do número de ocupação, visto que muitas reservas ainda estão em processo de fechamento. 

Tarifa aérea e hoteleira

A pesquisa teve como objetivo procurar por tarifas aéreas dos principais estados emissores de turistas para as capitais do Nordeste, comparar a média dos preços e ranqueá-los em categoria. O estudo foi realizado no período de 14 a 18 de março, por meio do Observatório do Turismo do Maranhão e da Superintendência de Promoção, Eventos e Marketing.

A pesquisa revelou que São Luís, como destino turístico, se mantém com preços médios mais baixos e atrativos em comparação às outras capitais do Nordeste, tanto em relação a outras tarifas aéreas, como hoteleiras. Para as pesquisas das tarifas dos meios de hospedagens, foi realizada a comparação dos preços dos hotéis das categorias luxo, superior e econômico das capitais nordestinas, sendo os valores das tarifas referentes ao período de 14 a 17 de abril.

Em ranking de preço de passagem aérea do Rio de Janeiro para capitais do Nordeste, São Luís ocupa a segunda posição, com média de preço de R$ 2.117,13, aumento de 11,06% em 2022. A capital maranhense também ocupou a segunda colocação na média de preços das passagens no ranking de tarifa aérea do Distrito Federal para capitais nordestinas, com média de R$ 1.562,16, porém, registrando uma queda de 17,26% no ano.

A pesquisa também realizou o levantamento do ranking das tarifas aéreas dos estados de Minas Gerais e São Paulo, e São Luís registrou média de preços de R$ 2.059,50 (5° posição) e R$ 2.120,23 (6° posição), com percentual de aumento de 52,20% e 65,26%, respectivamente.

No ranking de tarifa hoteleira na categoria luxo, São Luís foi a que mais se destacou entre as capitais nordestinas, ocupando a primeira posição, com uma variação anual de tarifa de 25,35%. Segundo a pesquisa, em 2021, a tarifa hoteleira da categoria custava R$ 288,00, enquanto que, em 2022, a tarifa subiu para R$ 361,00.

Na categoria superior, a capital maranhense ocupa a terceira colocação sem registro de variação de tarifa entre 2021 e 2022, com preço de R$ 343,00. Já na categoria econômica, São Luís registrou variação tarifaria hoteleira de 14,13%, com preços de R$ 184,00, em 2021, e R$ 210,00, em 2022. 

A coordenadora do Observatório do Turismo no Maranhão, Letícia Cynara, destacou a importância da pesquisa como ferramenta essencial para saber como estão posicionados os destinos turísticos do Estado, além de traçar estratégias de gestão que auxiliem o incremento do setor. 

“Essas pesquisas colaboram muito para o desenvolvimento de políticas e ajuda a entender melhor como os destinos maranhenses se comportam durante o ano, bem como mostrar aos turistas dos estados emissores que eles podem vir e preferir São Luís para passar suas férias ou feriados. Esses dados mostram que a capital maranhense está melhor ranqueada entre as outras capitais nordestinas”, destacou a coordenadora.

A média de preços aéreos foi realiza de acordo com os valores encontrados pelas companhias aéreas (Azul, LATAM, Avianca, Gol) e por voos oriundos dos aeroportos nos principais estados emissores de turistas para São Luís (São Paulo, Minas Gerais, Rio de Janeiro e Distrito Federal). 

A pesquisa priorizou voos diretos, mas com a ausência destes, foram escolhidos voos com menos conexões e escalas ou com menor tempo de voo. 

A pesquisa dos preços dos hotéis foi baseada nos valores cotados para uma diária, sem inclusão de taxas ou impostos, na plataforma online TripAdvisor.

A mesma metodologia aplicada nesta pesquisa será realizada futuramente nos feriados nacionais de Corpus Christi, Semana da Pátria, Nossa Senhora de Aparecida, Proclamação da República e Ano Novo.

São Luís tem 80% de aprovação de turistas no carnaval, diz pesquisa

O período carnavalesco tradicionalmente é marcado por uma alta para o setor turístico de São Luís. Neste ano, devido ao período de pandemia, não foram realizadas as festas oficiais de Carnaval na cidade. Ainda assim, foi registrada alta no fluxo de passageiros do aeroporto em relação a 2021 e, segundo uma pesquisa realizada pela Prefeitura de São Luís, por meio da Secretaria Municipal de Turismo (Setur), com o apoio do Observatório de Turismo de São Luís e da UP Soluções, no período carnavalesco, 80% dos viajantes avaliaram a experiência turística em São Luís como positiva. Mais de 91% dos turistas se sentiram seguros com os protocolos de biossegurança adotados em São Luís. 

A pesquisa indicou dados como os locais de origem visitantes de São Luís, se destacando outras cidades do Maranhão (38%), Minas Gerais (13%) e São Paulo (11%). Em relação à permanência média, o número registrado foi de 7 dias. 

“Estamos trabalhando com a promoção de São Luís em diversas vertentes: do off ao on-line. Já realizamos capacitações para agentes de viagem e operadores de turismo do Brasil inteiro e a divulgação no digital é muito forte, por meio de e-mail, marketing e das redes sociais Instagram, Facebook, YouTube e TikTok também. Com isso, esperamos aumentar o fluxo de turistas para São Luís cada vez mais”, explica o secretário municipal de Turismo de São Luís, Saulo Santos.

Os resultados obtidos na pesquisa apontam que 73% dos turistas chegaram de avião e 11% de carro próprio. 52% dos entrevistados ficaram hospedados em hotel ou pousada, 18% casa ou apartamento alugado e 17% na casa de parentes. Dos pontos turísticos da cidade, os mais visitados foram Centro Histórico e praias (24%) e Espigão Costeiro e museus (13%). 

Segundo informações da Infraero, o Aeroporto Internacional de São Luís Marechal Cunha Machado recebeu mais de 788 mil passageiros durante o período do Carnaval. Esse número é 45% maior em relação ao movimento do ano anterior (2021).

A taxa de ocupação hoteleira também registrou aumento neste ano. A ocupação geral chegou a 64% nos hotéis da orla de São Luís, onde se encontram a maioria dos estabelecimentos. 

Desenvolvido em WordPress & Tema por Anders Norén