Tag: prefeitura de sao luís Page 1 of 6

Monumento da Pedra da Memória é entregue à população

Após passar por obras de conservação, a Pedra da Memória – monumento em homenagem à maioridade de Dom Pedro II e sua coroação como imperador do Brasil – foi entregue, nesta quinta-feira (6), pela Prefeitura de São Luís, por meio da Fundação Municipal de Patrimônio Histórico (Fumph), com apoio da Secretaria Municipal de Obras e Serviços Públicos (Semosp). A solenidade de entrega contou com a presença da vice-prefeita de São Luís, Esmênia Miranda, na ocasião representando o prefeito Eduardo Braide.

As obras do monumento, localizado na Avenida Beira-Mar, abrangeram a limpeza geral, remoção das pinturas e argamassa (próteses indevidas) e prótese e impermeabilização protetiva da Pedra da Memória. Já os canhões que ladeiam o monumento receberam os serviços de limpeza geral, tratamento anticorrosivo, preenchimento e vedação das lacunas e tratamento protetivo.

Para a recolocação dos canhões, foram construídas duas bases. O projeto e execução foram realizados pela Fumph com investimentos de R$ 110.279,63. A Semosp foi responsável pela recuperação das calçadas, mureta e serviços de iluminação do posteamento (lampiões) do entorno.

“A gestão do prefeito Eduardo Braide tem entregado um conjunto de obras para a população de São Luís. A Pedra da Memória é muito importante, pois está no começo de tudo, no ponto inicial da nossa cidade. Ela tem o significado de retomar nossa história e de cultivar o sentimento de pertencimento nas pessoas para que possam ter mais cuidado com o patrimônio”, disse a vice-prefeita, Esmênia Miranda.

Monumento

Com projeto do engenheiro militar José Joaquim Lopes, a Pedra da Memória foi construída entre os anos 1841 e 1844. Inicialmente foi montada em frente ao portão da retaguarda do Quartel de Guarnição Federal do Campo do Ourique, nas proximidades do atual Complexo Deodoro.

Localizado desde a década de 1950 na Avenida Beira-Mar, para onde foi levada por meio de uma campanha realizada pelo Instituto Histórico e Geográfico do Maranhão e da Academia Maranhense de Letras, a Pedra da Memória fica em um dos baluartes semicirculares – o Baluarte São Damião, no Forte São Luís. O monumento tem grande valor histórico e cultural, sendo protegido legalmente nos tombamentos de conjunto – Estadual, Federal e Mundial.

O obelisco é constituído por uma pirâmide em quatro faces, em pedra de lioz assentada em uma base quadrangular, sobreposta em degraus de pedra. Na face da pirâmide voltada ao mar, consta o brasão que representa o escudo das armas do exército imperial, bem como uma inscrição que faz referência à maioridade de Dom Pedro II e sua coroação como imperador do Brasil.

Na década de 1970, a Pedra da Memória foi ladeada por dois canhões, um de origem inglesa, fundido no reinado de Jorge III, séc. XVIII, com brasão do reinado marcado em sua face superior e outro de origem francesa, peça da primeira metade do séc. XVIII.

“A gestão do prefeito Eduardo Braide tem devolvido à cidade a restauração de vários monumentos que são importantes para a população. A Pedra da Memória é um dos nossos monumentos mais simbólicos, está localizada no forte que deu nome à cidade e que está incorporada à sua história, além de estar em local lindo, em frente à Baía de São Marcos e dos rios Bacanga e Anil. Então, a gente pede que a população cuide deste local e não vandalize, como já ocorreu em outras ocasiões”, observou a presidente da Fumph, Kátia Bogéa.

Centro

A entrega das obras de conservação da Pedra da Memória soma-se a outras ações que o prefeito Eduardo Braide tem realizado no Centro Histórico de São Luís.

Em setembro, o gestor entregou o Centro Acessível, intervenções realizadas para possibilitar que pessoas com deficiência possam circular de forma mais segura pelas ruas históricas da capital; entregou ainda a reforma do edifício João Castelo Ribeiro Gonçalves, o antigo prédio do BEM, que abriga o Mirante da Cidade, um espaço aberto à visitação pública e que possibilita uma vista privilegiada da cidade.

Além disto, reabriu o Teatro da Cidade de São Luís que estava fechado há quatro anos, fortalecendo, assim, a difusão cultural na capital. Também restaurou e entregou os bustos de personalidades maranhenses que compõem a Praça do Pantheon, instalando mais seis. Além disto, deu início às homenagens aos pregoeiros de São Luís implantando duas estátuas – a piruliteira e o sorveteiro – na Praça Nauro Machado.

Participaram da solenidade da entrega da Pedra da Memória, os secretários Carlivan Braga (Semeped), Caroline Marques (Semed), Diego Baluz (SMTT), Simão Cirineu (Seplan), Walber Filho (Impur), Liviomar Macatrão (Semapa), David Col Debella (Semosp). E ainda Fábio Nahuz (presidente do Sinduscon), Eduardo Longhi (superintendente de Patrimônio Cultural do Estado do Maranhão), Dilercy Adler (presidente do Instituto Histórico e Geográfico do Maranhão) e o tenente-coronel Sérgio Henrique Lopes Rendeiro (comandante 24º BIS).

Braide melhora qualidade de vida de 54 amputados com entrega de próteses para pacientes de São Luís e outros 22 municípios do MA

Qualidade de vida, autoestima, retorno à vida normal e ao trabalho e benefícios psicológicos profundos. É isso que os 54 usuários da rede municipal de saúde terão após receberem próteses inferiores, entregues pelo prefeito Eduardo Braide, em solenidade no Parque do Bom Menino, nesta quinta-feira (29). A entrega, que reuniu também os secretários de Saúde, Joel Nunes, e da Pessoa com Deficiência, Carlivan Braga, marca a campanha Setembro Verde, mês de luta da pessoa com deficiência.

“Quando eu assumi a Prefeitura de São Luís, eu só criei uma secretaria que foi a Secretaria da Pessoa com Deficiência (Semeped), que era um compromisso que eu havia firmado com a população. Hoje, esta entrega é um momento feliz, pois significa que essas pessoas se levantarão sozinhas, caminharão sozinhas até a padaria, a casa do amigo, do familiar. É essa a alegria que todos eles me darão ao usarem suas próteses. E esse é um trabalho que será ampliado, para que a gente possa devolver a autonomia, a mobilidade, a dignidade e a qualidade de vida a essas pessoas”, garantiu o prefeito Eduardo Braide.

A entrega contemplou, além de São Luís, pacientes de mais 22 municípios, sendo eles: Tuntum, Governador Nunes Freire, Peri Mirim, Bacabeira, São José de Ribamar, Paço do Lumiar, Palmeirândia, Barra do Corda, Bananeira, Barreirinhas, Santa Inês, Pinheiro, Colinas, Cachoeira Grande, Lago do Junco, Satubinha, Olinda Nova do Maranhão, Santo Antônio Lopes, Apicum Açu, Chapadinha, Alto Alegre do Pindaré e Vargem Grande.

A Coordenação de Atenção à Saúde da Pessoa com Deficiência de São Luís, da Secretaria Municipal de Saúde (Semus), atende, atualmente, 168 municípios com a oferta de equipamentos fundamentais para garantir mais mobilidade e autonomia.

“Mais um evento voltado para as pessoas com deficiência no Setembro Verde, mês da inclusão. São várias ações realizadas pela Prefeitura, encerrando o mês entregando próteses para pessoas amputadas. A Prefeitura de São Luís, mais uma vez acerta, valorizando cada vez mais a pessoa com deficiência do nosso Município e de vários municípios do Maranhão”, disse Carlivan Braga, secretário da Semeped.

“Mais um dia de muita alegria para a gestão do prefeito Eduardo Braide que entrega mais de 50 próteses de membros inferiores hoje, após quase 10 anos de espera. Essas entregas trazem para estas pessoas dignidade, humanidade e é isso que a gente quer, uma cidade cada vez mais inclusiva”, frisou o secretário da Semus, Joel Nunes.

Vida Nova

A amputação de um membro traz traumas e dificuldades para o exercício de atividades rotineiras e do exercício da profissão. A diarista, Eudalta Nascimento, de 40 anos, do Município de São Luís, conta que estava há um ano e seis meses dependendo das muletas após a amputação da perna esquerda, causada pela diabetes. A ludovicense disse que a sua maior vontade agora é voltar a trabalhar.

“Eu já faço bastante coisa com a muleta, mas com dificuldade, e dependo do meu esposo para algumas coisas. Agora, com minha prótese, eu vou fazer além do que eu já fazia, e uma coisa que eu quero muito é voltar a trabalhar como diarista, minha vitória e alegria hoje é saber que eu vou poder trabalhar”, disse empolgada.

Há oito anos aguardando e ainda dependendo de muletas, João Batista, de 59 anos, morador de Paço do Lumiar, agradeceu e ficou feliz com a entrega.

“51 anos andando com duas pernas e de repente ficar só com uma foi bem difícil, mas agora vai melhorar muito, tô muito agradecido e feliz. É outra vida agora e as muletas eu já vou aposentar”, disse o beneficiário que também teve o membro amputado, devido à diabetes.

A professora, Laurenice Silva Alves, de 52 anos, nascida em Itapecuru-Mirim, teve um acidente com um ônibus escolar e há 22 anos depende de uma prótese que precisou financiar e que já estava precisando de troca. Com 38 anos de profissão, ela deu uma aula de autoestima e incentivo.

“Agradeço ao prefeito Eduardo Braide e gostaria que todos os prefeitos em todas as prefeituras fizessem isso, porque a maioria dessas pessoas são do interior, mas nem todos os prefeitos têm a coragem que o prefeito Braide tem. Eu precisei fazer empréstimo para comprar a minha antiga prótese e continuar dando aula, então eu quero que todos que estão aqui se sintam assim, capazes, e que tenham a certeza que são lindos e maravilhosos”, disse a professora.

Serviço

Para requerer uma prótese é preciso fazer uma solicitação junto à Semus, por meio da apresentação de identidade, comprovante de residência, cartão do SUS e laudo médico. Após esta primeira etapa, o solicitante passa por uma avaliação médica que verificará o estado de saúde e determinar se a pessoa está apta a receber o equipamento. Atualmente, a fila para recebimento de prótese transtibial está zerada, ao passo em que alguns ainda aguardam pela entrega da prótese transfemural.

A distribuição dos equipamentos foi iniciada em 2013, porém, logo depois foi suspensa, sendo retomada agora na gestão do prefeito Eduardo Braide. Só este ano, já foram entregues mais de 70 próteses pela Coordenação de Atenção à Saúde da Pessoa com Deficiência, garantindo mais autonomia e mobilidade a pacientes da capital e também do interior, influenciando diretamente a garantia da seguridade social não só em São Luís, mas também no Maranhão.

Feirinha São Luís tem variedade musical e oficina de peça de barro no torno

Vai logo ensaiando as músicas “Let it be” e “Hey Jude” pra fazer coro neste domingo (18), na Feirinha São Luís. É porque nesta edição tem Tributo The Beatles, na Praça Benedito Leite, das 11h30 às 12h30. E velho e bom rock and roll continua com Mr. Simple, das 12h30 às 14h.

Para quem está em outra sintonia, na Praça João Lisboa, começa com o samba no pé de Vamu Di Samba, das 11h às 12h30. E, das 12h30 às 14h, é Fernanda Furtado quem comanda o palco.

E se você amanheceu com aquela vontade de aprender uma nova habilidade, na Galeria Trapiche, coreto da Benedito Leite, você vai saber como fazer uma peça de barro no torno, com o professor Adinamar Moreira, de 11 a 12h.

AÇÃO SEMUS

Quem for fazer o passeio na Feirinha São Luís pode aproveitar e visitar a barraca da Semus. Todo domingo tem Ação. Confere aí: Acolhimento, Aferição de P A e Teste de Glicemia e a Saturação do Oxigênio; Consulta Médica (Clínico Geral, Psicologia e Psiquiatria); Vacinação Adulto e Infantil – Covid-19/ Poliomielite (Paralisia Infantil), Influenza/Tríplice Viral/Hepatite B. É sugerido levar a Caderneta de Vacinação da criança.

Vai ter Ação em alusão ao Setembro Amarelo – CAPS/ AD ( Prevenção  do Suicídio); Teste para Covid-19;
Abordagem sobre a dengue com Ação Preventiva a respeito do Aedes Aegypti.

Não para por aí, tem orientação sobre Nutrição – Dietas/ Alimentação Saudável; e a ABRAZ- Associação Brasileira de Alzheimer-MA vai falar sobre demência.

Braide participa de missa em comemoração aos 410 anos de São Luís

Comemorando 410 de São Luís, o prefeito Eduardo Braide participou, nesta quarta-feira (8), da missa de celebração da Natividade de Nossa Senhora da Vitória, na Catedral Metropolitana de São Luís, na Praça Dom Pedro II. A celebração teve como tema “A alegria do nascimento de Maria: por ela nos veio o sol da justiça, o Cristo, nosso Deus”, e introduziu os votos de bênçãos à cidade de São Luís pela data comemorativa.

Acompanhado da primeira-dama, Graziela Braide, e de membros do clero ludovicense, autoridades civis e convidados da comunidade, o chefe do Executivo Municipal proferiu a leitura da Profecia de Miquéias, passagem bíblica que propõe uma reflexão sobre a importância da defesa dos desamparados e falou da alegria de começar o dia pedindo mais bênçãos para a cidade de São Luís no dia em que a capital celebra 410 anos.

“Estamos aqui hoje recebendo as bênçãos e sabendo da importância da oração e de Deus em nossas vidas e pedindo para que Ele possa sempre nos abençoar e abençoar ainda mais nossa cidade que hoje completa 410 anos”, disse o prefeito Eduardo Braide.

Durante a celebração, após a leitura do Evangelho segundo Mateus, Dom Gilberto Pastana, arcebispo de São Luís, intercedeu em oração pela cidade e falou de como deve ser lembrado o propósito de Nossa Senhora da Vitória.

Novo cartão postal da cidade 

Vista privilegiada numa visão 360º de diversos pontos da cidade. É assim que os ludovicenses e turistas poderão apreciar São Luís do Mirante da Cidade, entregue pelo prefeito Eduardo Braide, nesta quarta-feira (8), dia do aniversário de 410 anos da capital. O mirante é um atrativo turístico inédito nesta categoria na capital maranhense e está localizado no 10º andar do Edifício João Castelo Ribeiro Gonçalves, antigo Banco do Estado do Maranhão (BEM), na Rua do Egito, Centro Histórico de São Luís, onde também funciona a nova sede da Secretaria Municipal de Fazenda (Semfaz) e está aberto à visitação pública mediante agendamentos.

“São Luís comemora este ano, além dos seus 410 anos, 25 anos do título de Patrimônio Mundial e nada melhor que um presentão como esse, com a vista mais bonita da cidade. Quando eu subi a primeira vez pensei que essa vista não deveria ser apenas do prefeito, mas para todo o povo de São Luís, turistas e todos que quiserem conhecer ainda mais as belezas da nossa cidade. E a partir de hoje este passa a ser um dos nossos principais cartões-postais”, destacou o prefeito Eduardo Braide, ao lado da primeira-dama, Graziela Braide, da vice-prefeita, Esmênia Miranda e de diversas autoridades.

Funcionamento

Aberto ao público, o mirante poderá ser visitado de quinta a sexta, das 14h às 19h e aos sábados e domingos das 9h às 19h. O acesso é gratuito e as visitas acontecerão mediante agendamento on-line prévio que ficará disponível no site da prefeitura https://www.saoluis.ma.gov.br/.

Na solenidade de entrega, também estavam presentes o vereador Raimundo Penha (PDT), além dos secretários Igor Almeida (Secom), Diego Rodrigues (Semad), Caroline Salgado (Semed), Felipe Falcão (Semit), José Azzolini (Semfaz), o presidente da Amdes, Felipe Mussalém; e o controlador-geral do Município, Sérgio Motta.

Público na terceira noite de festa pelos 410 anos de São Luís

A Prefeitura de São Luís celebrou o aniversário da Independência do Brasil, na noite desta quarta-feira (7), com público recorde na Praça Maria Aragão. Mais de 120 mil pessoas participaram da programação alusiva ao aniversário de 410 anos da “Ilha do Amor”, que segue até domingo (11).

A multidão cantou e dançou com o fenômeno João Gomes, um dos artistas brasileiros mais ouvidos na atualidade. Além dele, apresentaram-se os cantores Bruno Shinoda e Fabrícia. O numeroso público foi recebido pelo prefeito Eduardo Braide, acompanhado da primeira-dama, Graziela Braide.

“É uma emoção muito grande celebrar a Independência do Brasil e o aniversário da nossa cidade reunindo milhares de pessoas em um único espaço. Pela quantidade de gente que se dirigiu para cá, podemos afirmar que conseguimos um feito inédito, reunindo o maior público da história da Maria Aragão na semana do aniversário de São Luís”, comemorou Eduardo Braide.

Programação 

Nesta sexta-feira (9), será a vez de Silvanno Salles e Wanderley Andrade para a “Noite do Arrocha/Brega”, e de duas atrações locais: a banda Mesa de Bar e a cantora Fabiana Alves. Sábado, dia 10, está confirmada a cantora evangélica Aline Barros, além das bandas Fogo & Glória e Marcados.

Encerrando a programação, no domingo (11), os cantores católicos Diego Fernandes e Adriana Arydes se apresentarão na “Noite Católica”, com a participação do cantor Gabriel Kzam.

Prefeitura de São Luís entrega mais de 120 cadeiras de banho para a rede municipal de saúde

A Prefeitura de São Luís, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (Semus), entregou, nesta quinta-feira (25), 125 cadeiras de banho para pacientes e unidades hospitalares da rede municipal de saúde a fim de garantir mais conforto e praticidade durante os atendimentos realizados. A ação ocorreu em alusão à Semana Nacional da Pessoa com Deficiência.

“Estas cadeiras proporcionam aos nossos pacientes mais comodidade e segurança. Esse é o compromisso da gestão prefeito Eduardo Braide, garantir as condições necessárias para oferecer serviços com mais qualidade à população”, afirma o secretário de Saúde, Joel Nunes.

Os dispositivos foram entregues para as seguintes unidades: Coordenação da Atenção à Pessoas com Deficiência; Hospital Dr. Clementino Moura; Hospital Djalma Marques; Hospital da Mulher; Unidade Mista São Bernardo; Unidade Mista Itaqui Bacanga; Unidade Mista Coroadinho; Unidade Mista Bequimão; Upa da Zona Rural; Socorrinho São Francisco; Pronto Socorro do Anil e Maternidade Nazira Assub.

O equipamento, também conhecido como cadeira de rodas higiênica, é fundamental para garantir mais autonomia aos usuários que apresentem limitações físicas.

Além das cadeiras de banho, em 2022, a Prefeitura de São Luís entregou mais de 1.190 cadeiras de rodas para os municípios atendidos pela Coordenação de Atenção à Saúde da Pessoa com Deficiência da Semus, superando o recorde de entregas do ano passado.

Braide acompanha obras do Residencial Mato Grosso; segunda etapa de inscrições segue aberta até 31 de agosto

A gestão do prefeito Eduardo Braide avançou mais uma etapa das inscrições para o sorteio de 3.000 moradias no Residencial Mato Grosso, Zona Rural de São Luís. Nesta fase, as inscrições estão abertas para o público em geral, de forma online, para 1.500 residências. Os interessados podem se inscrever até o dia 31 de agosto. Todos os passos estão disponíveis no edital que pode ser acessado na página inicial do site da prefeitura (https://saoluis.ma.gov.br/).

Nesta segunda-feira (15), o prefeito Eduardo Braide esteve no local e acompanhou o andamento dos serviços. O conjunto habitacional faz parte do programa Casa Verde e Amarela, do Governo Federal, executado pela Prefeitura de São Luís, por meio da Secretaria de Urbanismo e Habitação (Semurh).

“Iniciamos hoje mais esta etapa desse que é o maior programa habitacional que São Luís já viu. São milhares de famílias que serão beneficiadas não só com as casas, mas com equipamentos públicos que irão garantir a qualidade de vida desses moradores. Aqui no Residencial Mato Grosso entregaremos creche, quadra de esportes, dois centros comunitários, escola, praça, área para feiras e unidade de saúde”, garantiu o prefeito Eduardo Braide, destacando a preocupação da gestão municipal em garantir que todas as famílias tenham acesso aos serviços dentro do próprio residencial.

Além destes 1.500 imóveis cujas inscrições iniciaram nesta segunda-feira (15), outros 1.500 serão destinados às pessoas com deficiência, idosos, mulheres chefes de família, pessoas com vulnerabilidade social, pessoas que já moram no residencial e demais bairros da região, que já se inscreveram na primeira etapa.

“O combate ao déficit habitacional é uma bandeira do prefeito Eduardo Braide desde a construção do seu plano de governo e hoje estamos dando mais um passo para a realização deste sonho. Este é o maior residencial entregue no Maranhão, teremos por volta de mais de 12 mil pessoas, é uma população maior que a de muitos municípios do Estado, por isso, a preocupação do prefeito em garantir que com as residências também sejam entregues todos os equipamentos públicos necessários”, explicou o titular da Semurh, Bruno Costa.

Os imóveis serão disponibilizados por meio de sorteio que ocorrerá no dia 6 de setembro entre os cidadãos classificados de acordo com os critérios exigidos pelo edital. As residências são compostas por dois quartos, sala, banheiro, cozinha e lavanderia integrada, distribuídas no Residencial Mato Grosso I, II e III.

Page 1 of 6

Desenvolvido em WordPress & Tema por Anders Norén